Solenidade de assinatura da desapropriação da área do futuro Aeroporto Regional do Oeste do Paraná

 

O dia 5 de julho entrou para a história da região Oeste do Paraná como a data que marcou o início oficial da edificação de um marco: o anúncio de desapropriação da área do Aeroporto Regional. A governadora Cida Borghetti entregou aos prefeitos das cidades que sediarão o empreendimento, Leonaldo Paranhos, de Cascavel; Lúcio de Marchi, de Toledo e Ito Caiero, de Tupãssi, cópia de depósito bancário no valor de R$ 10,6 milhões para o pagamento da primeira parte das indenizações da área de 143 hectares, que fica no limite entre os três municípios.
Luta iniciada nos anos 90, a construção do Aeroporto Regional se tornou a mais antiga bandeira da Amop, envolvendo sucessivos presidentes que antecederam ao atual, Anderson Bento Maria, prefeito de Maripá. Anderson, aliás, fez questão de homenagear, sem seu pronunciamento, aqueles que empunharam essa bandeira e não desistiram do sonho vir a se tornar realidade.
Anderson lembrou que o Oeste finalmente começa a ser reconhecido pela sua importância estratégica e pelo que gera de divisas à economia paranaense e brasileira. “É hora de receber os investimentos em logística que tanto precisamos e que têm dificultado o processo de desenvolvimento regional”, citou o presidente da Amop.
De acordo com o diretor de Coordenação de Itaipu Binacional, Newton Kaminski, a usina custeará o projeto de execução da obra. “Esperamos que nos próximos cinco anos esse processo avance e que logo enxerguemos no local um horizonte de obras e progresso”, comentou. Segundo o secretário chefe da Casa Civil, Dilceu Sperafico, é preciso a união dos esforços para que o empreendimento saia definitivamente do papel.
Conforme o empresário Danilo Vedruscolo, presidente do programa Oeste em Desenvolvimento, o Aeroporto trará benefícios à economia, como o barateamento de fretes, e consequentemente de preços como um todo. Edson Vasconcelos, presidente da Acic, afirmou que é fundamental manter acesa a chama do associativismo, lembrando que as entidades foram fundamentais para a conquista. O evento foi prestigiado também por prefeitos, deputados e outras lideranças.

 

Share this:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *